logotipo
PT | EN
o serra da estrela

INFO | CARACTERISTICAS | DEFEITOS

ASPECTO GERAL E APTIDÕES: Cão convexilíneo, molossóide, tipo mastim, existente na variedade de pêlo comprido e de pêlo curto. Animal rústico, bem entroncado, com viveza de andamentos e imponente de atitudes. Olhar vivo, calmo e expressivo. Bem proporcionado, morfologicamente perfeito, de uma acentuada harmonia de conjunto, reveladora de uma pureza étnica radicada pelo tempo. Esplêndido guarda pessoal. Respeitável pela sua atitude para com estranhos e de uma docilidade característica junto a estranhos.

PROPORÇÕES IMPORTANTES: Cão grande, sublongilíneo, com tendência a mediolíneo. A altura do peito é inferior a metade da altura do garrote. O comprimento do chanfro e do crânio devem ser aproximadamente iguais, não o sendo, será o crânio ligeiramente mais comprido.

COMPORTAMENTO / CARÁCTER: Inseparável companheiro do pastor e guarda fiel do rebanho que, com valentia, defende contra os predadores e roubadores de gado. Magnífico guarda de quintas e habitações, sendo dissuasor para os estranhos e de uma docilidade característica junto do dono.

CABEÇA: Forte, volumosa, alongada e ligeiramente convexa. Com boa inserção. Proporcionada ao corpo, bem como o crânio em relação à face, o que lhe dá, em conjunto, uma acentuada harmonia. Pele lisa no crânio e face.

Crânio: Bem desenvolvido, arredondado, apresenta eixos longitudinais superiores crânio-faciais ligeiramente divergentes, perfil convexo, arcadas supraorbitárias pouco desenvolvidas com sulco frontal pouco aparente, crista occipital apagada.

Stop: Depressão naso-frontal pouco pronunciada e a uma distância aproximadamente igual da ponta do focinho e da protuberância occipital.

Olhos: Horizontais, aflorados, de forma oval, regulares no tamanho, iguais e bem abertos, de expressão inteligente e calma; de cor âmbar escuro, de preferência. Pálpebras fechando bem e de bordos orlados a negro. Sobrolho um tanto aparente.

Trufa (Nariz): Direito e bem aberto; largo de cor preta.

Lábios: Pouco espessos; grandes; não pendentes e bem sobrepostos; mucosa bucal e céu da boca intensamente pigmentados de preto, bem como os bordos labiais.

Mandíbulas/dentes: Boca bem rasgada com maxilas bem desenvolvidas; dentição completa com dentes fortes, brancos, bem implantados e adaptando-se bem, apresentando, preferencialmente, dentição do tipo tesoura, sendo tolerada, também, a dentição em pinça.

Orelhas: Média inserção; pendentes, inclinadas para trás, caindo lateralmente, encostadas à cabeça, e deixando ver, na base, um pouco da face interna (repuxadas); delgadas, de forma triangular, arredondadas na ponta; pequenas em relação ao conjunto (11cm de comprimento por 10 cm de largura).

Pescoço: Curto; direito e grosso; bem saído e bem unido; embarbelado sem demasia.

CORPO (TRONCO)

Linha superior: Quase horizontal.

Dorso: Bem musculado de preferência curto.

Região lombar: Curta; larga; bem musculada e unida com a garupa.

Garupa: Um pouco descaída; curta; larga e musculada.

Peito: Largo; profundo; bem arqueado, sem ser cilíndrico, e bem descido, junto ou ligeiramente abaixo do codilho.

Linha inferior e ventre: a linha inferior deve elevar-se, de uma forma gradual, mas suave, do esterno às virilhas; abdómen pouco volumoso, proporcionado à corpulência do animal, ligando-se insensivelmente com as regiões confinantes; a linha inferior do peito deve cair junto ou ligeiramente abaixo do codilho.

Cauda: Média inserção; inteira; comprida; grossa; porte abaixo da horizontal, em forma de cimitarra, formando gancho na ponta, caindo naturalmente entre as coxas, chegando a ponta ao curvilhão, quando o animal está tranquilo; excitado e em movimento, a cauda ultrapassa a horizontal, encurvando-se para cima e para diante, para o lado e para baixo, sem ser transportada sobre a garupa. Na variedade de pêlo comprido, a cauda deve de ser bem guarnecida de pêlos e franjada.

MEMBROS

Membros Anteriores: Bem aprumados, quando colocado, o animal, em posição conveniente, esqueleto bem constituído, com articulações grossas, ângulos de abertura regular, com grande facilidade de movimentos; ossatura forte. O antebraço é bem constituído, com forte ossatura e aproximando-se da forma cilíndrica.

Mãos: Proporcionadas, bem constituídos, nem muito redondas, nem alongadas em excesso, intermédios dos pés de gato e de lebre, de forma a evitar o espalmado, providos de pêlos abundantes nos espaços interdigitais e entre os tubérculos plantares; dedos grossos; bem unidos; unhas escuras, preferencialmente pretas, bem saídas; palmas grossas e duras.

Membros Posteriores: Bem aprumados, esqueleto bem constituído, com articulações grossas, ângulos de abertura regular, com grande facilidade de movimentos; ossatura forte.

Curvilhão: Um pouco descido, regularmente aberto e de boa direcção, seguindo-se-lhe uma canela vertical, quase cilíndrica.

Pés: Idênticos ás mãos, os pés podem apresentar presunhos simples ou duplos.

PELAGEM

Pêlo: Forte, muito abundante, ligeiramente grosseiro, sem demasiada aspereza, fazendo lembrar um pouco o pêlo de cabra. A pelugem é constituída por pêlos finos, curtos, abundantes e emaranhados, normalmente mais claros que a pelagem. Variedade de pêlo comprido: Pêlo liso ou ligeiramente ondulado apresentando-se desigual em certas regiões.

Nos membros, dos codilhos e curvilhões abaixo, é mais curto e denso, assim como na cabeça; nas orelhas, diminui de comprimento da base para a ponta, tornando-se fino e macio. É mais comprido na cauda, que é farta, grossa e franjada. Em volta do pescoço e bordo inferior, formando barbela, e nas nádegas que são abundantemente franjadas, bem como na face posterior dos antebraços.

Variedade de pêlo curto: Pêlo liso, homogéneo em todo o corpo, sendo ligeiramente mais curto na cabeça e membros, não podendo apresentar franjas.

CORES

São admitidas e consideradas típicas as seguintes cores: Unicolores, Amarelo, fulvo e cinza em todos os gradientes de intensidade de cor;

Lobeiros: São admitidos os lobeiro fulvo, lobeiro amarelo e lobeiro cinza, nas tonalidades claro, comum ou escuro;

Raiados: São admitidos os raiados fulvo, raiados amarelo e raiados cinza. Na região crânio-facial é típica a máscara de cor negra. As malhas brancas são admitidas apenas nas extremidades dos pés e mãos e em pequena extensão na face ventral do pescoço e peito.

ALTURA E PESO

Altura ao garrote
Machos: 65-73 cm
Fêmeas: 62-69 cm

Peso
Machos: 45-60 kg
Fêmeas: 35-45 kg

(c) sitiodacasadocanastro.com